×

Geral

Lagoa Grande-O Sistema da Unidade Interligada de Registro Civil de Nascimento está funcionado novamente

A Prefeitura de Lagoa Grande do Maranhão divulgou em nota que o Sistema da Unidade Interligada de Registro Civil de Nascimento já está funcionado normalmente, a partir de agora passa a ser interligada ao Sistema Nacional de Registro Civil. Pessoas interessadas devem se dirigir ate a prefeitura para está recebendo mais informações.

    Jornalista Aline Louise será assessora de imprensa do governador Flávio Dino

    Aline

    A jornalista Aline Louise será a assessora de Imprensa do governador eleito Flávio Dino a partir de 1º de janeiro de 2015. O anúncio foi feito no início da tarde desta terça-feira (18) através das redes sociais.

    Aline Louise já coordena a equipe de Comunicação de Flávio Dino desde 2011. A partir de 2015, integrará a equipe da administração estadual, no agendamento e acompanhamento de entrevistas do governador eleito, além de manter contato permanente com a imprensa maranhense e nacional.

    Conheça o perfil da nova indicada:

    ALINE LOUISE – Assessora de Imprensa do governador

     Aline Louise é jornalista formada pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e graduanda em Direito. Foi repórter da editoria de Política no jornal O Imparcial e também correspondente de jornais nacionais. É assessora de imprensa do PCdoB-MA desde 2011. Coordenou as atividades de Comunicação na campanha do prefeito de São Luís Edivaldo Júnior (2012) e fez parte da coordenação de Comunicação da coligação “Todos pelo Maranhão”, que elegeu Flávio Dino Governador em outubro de 2014.

     

      Novo secretário de Administração Penitenciária anunciado por Flávio Dino vem de Minas Gerais

      gespen3-1-550x446

      Governador eleito Flávio Dino anunciou na manhã desta segunda-feira (17) mais um nome para integrar a sua equipe a partir de 1º de janeiro. Murilo Andrade será o próximo secretário de Administração Penitenciária. Esse foi o 26º nome indicado através das redes sociais.

      Com larga experiência na área, Murilo Andrade assumirá a Secretaria com a meta de buscar alternativas à execução penal, com destaque para o fortalecimento do método APAC – Associação de Proteção e Assistência aos Condenados, valorização dos servidores – agentes penitenciários e servidores técnico-administrativos, além de implantar um novo modelo de gestão do sistema prisional que atenda as necessidades do estado.

      Conheça o perfil do novo indicado:

      MURILO ANDRADE DE OLIVEIRA – Secretaria de Administração Penitenciária

      Murilo Andrade é formado em Direito (PUC-MG/Contagem), especialista em Direito Público (UNIGRANRIO), doutorando em Ciências Jurídicas e Sociais (UMSA) e graduando em Administração (Universidade FEAD). Atua há 16 anos na gestão do sistema prisional, tendo ocupado cargos de Superintendente de Articulação Institucional e Gestão de Vagas, Diretor de Informações Penitenciárias, Instrutor e Auditor de Agentes de Segurança Penitenciária – Modelo de Gestão Prisional. Atualmente, é subsecretário de Administração Prisional de Minas Gerais. Professor universitário, Murilo Andrade possui vários cursos na área prisional e publicações sobre a metodologia Apac.

       

        Lagoa Grande- Secretaria de saúde realizou o dia “D” da vacina contra o sarampo e paralisia infantil

        P1010037

         

        Campanha Nacional de Vacinação contra Sarampo e Paralisia Infantil 2014 realizada pela secretaria de saúde de Lagoa Grande do Maranhão, teve o dia “D” realizado hoje dia 12 de novembro na Unidade Básicas de Saúde e nos postos de saúde na zona rural.

        A Vacina contra o Sarampo deverá ser aplicada ate o dia 28/11 em crianças a partir de 1 ano completo até 4 anos, 11 meses e 29 dias. Já a vacina contra a Paralisia Infantil será aplicada a partir de 6 meses a 4 anos, 11 meses e 29 dias.

        A Secretária Municipal de Saúde, Fátima Carvalho, disse que o dia D teve sua meta atingida, pois os pais compareceram em grande numero com suas crianças, as unidades receberam um bom publico alvo.

        P1010017 P1010035

          Lagoa Grande- Confira a programação do aniversario de 18 anos

          sfsdfs

            Lagoa Grande- Policia Militar recupera moto roubada em poder de um menor

            IMG-20141108-WA0005

            Motocicleta recuperada pela policia militar de Lagoa Grande

            A policia militar de Lagoa Grande desde a chegada do sargento Novais vem realizando um trabalho bem eficiente, e a população está gostando e elogiando essa forma de trabalho, e com a realização de varias blitz em pontos estratégicos foi que chegaram a apreensão de uma motocicleta roubada, a abordagem aconteceu na Avenida Senador João Alberto centro da cidade por volta das 9 horas da noite, a motocicleta estava sendo conduzia por um menor A.F. DA S. S, de 17 anos residente no povoado Cujuba município de Lagoa Grande, a motocicleta e o menor foram conduzidos ate a delegacia.

            Confira:

            IMG-20141108-WA0003 IMG-20141108-WA0004

             

            Informações e fotos enviada ao Whatsapp do Blog (99) 988371370.

            Surge nova rede social brasileira parecida com Orkut

            Depois do Orkut, surge uma nova rede social brasileira que quer recriar o Orkut, encerrado pelo Google no final de setembro. Trata-se da SocialDub, site que possui diversos recursos semelhantes ao finado serviço. O acesso é gratuito e pode ser feito de duas maneiras: pela conta do Facebook ou por meio de um cadastro com informações pessoais.

            Tirando a barra superior do site, o design lembra bastante o Orkut, já que a página inicial do usuário é disposta da mesma forma: foto de perfil e menu do lado esquerdo, recados (no Orkut, também conhecidos como “scraps”) e depoimentos no meio e comunidades e amigos do lado direito.

            imagem

            Além dos recursos citados acima, a SocialDub afirma possuir suporte a HTML em recados e tópicos de comunidades e os adorados GIFs. No quesito personalização, o usuário pode escolher entre 12 temas de cores.

            Vale citar que não é só o Orkut que serviu de inspiração para o serviço. O SocialDub também conta com um feed de atualizações semelhante ao do Facebook e um chat muito parecido com o MSN Messenger. Este último, batizado de SocialDub Messenger, possui até mesmo opções de formatação da mensagem, assim como existia no serviço da Microsoft.

            20141031175640

            Lagoa Grande- Conheça alguns dos possíveis candidatos ao cargo de vereador em 2016

            montagem

            Wilgson Lima, Gabriel Carvalho, João Filho

             

            Passado as eleições de 2014, as especulações agora giram em torno das eleições 2016, e o Blog do Fernando Ramos, vai iniciar uma serie de matérias relacionadas aos nomes que possivelmente vai concorrer ao cargo de prefeito e de vereador.

            E para iniciar a primeira matéria, apresento esses três jovens que estão com os nomes em especulações como possíveis candidatos a vereador nas eleições de 2016. Wilgson Lima, Gabriel Carvalho e João Filho.

            1962744_620446348042844_397636845_n-Wilgson Lima- um jovem filho de Lagoa Grande, ele é filho do ex-vereador Valber, é um dos possíveis candidatos ao cargo de vereador em 2016, grandes especulações giram em torno de seu nome nas rodas de conversas.

             

             

             

             

             

             

            10590495_1457064151204842_2584288890650031534_n

             

            Gabriel Carvalho- é filho do atual vereador e presidente da câmara Pretão, como ate agora as prestações de contas de Pretão não foram aprovadas e possivelmente não será candidato, o nome de Gabriel é o possível substituto imediato do pai.

             

             

            10676393_786397274750560_8839179286246715755_n

             

            João Filho- é filho do senhor João do Lino, uns dos proprietários do parque almeida, atualmente é gerente no posto metálico, e também tem o nome cotado como um possível candidato.

             

             

             

            OBS: nenhum desses nomes confirmou ao Blog do Fernando Ramos se realmente será candidato, apenas são nomes especulados em rodas de conversas.

            O Blog está a disposição para confirmação: (99) 8837-1370,   Imail:fernando_150191@hotmail.com

            Dilma é reeleita presidente do Brasil

            dilma reeleita 2

            Dilma é reeleita presidente e amplia para 16 anos ciclo do PT no poder

            Com 99,9% das urnas apuradas ela tinha 51,6% dos votos e Aécio, 48,3%.

            Governo do PT (2003-2018) terá o dobro do período tucano (1999-2002).

            Dilma Rousseff (PT) venceu Aécio Neves (PSDB) na disputa em segundo turno e foi reeleita neste domingo (26) para um novo mandato como presidente da República (2015-2018). Segundo o sistema de apuração do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o resultado foi confirmado às 20h27min53, quando 98% das urnas estavam apuradas e não havia mais possibilidade matemática de virada. Acompanhe a apuração em tempo real.

            dilma eleita

             

            Até a última atualização desta reportagem, com 99,99% das urnas apuradas, a petista tinha 54.497.615 votos (51,64%) e o tucano, 51.038.023 votos (48,36%).

            Uma hora depois da confirmação do resultado, Dilma fez um discurso de agradecimento, com 26 minutos de duração, em um hotel de Brasília. Saudou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a quem chamou de “militante número 1 das causas do Brasil”, afirmou que está “disposta ao diálogo” e conclamou os brasileiros a se unirem em favor do país. “Não acredito que estas eleições tenham dividido o país ao meio”, afirmou. “O calor da disputa pode agora ser transformado em energia construtiva de um novo momento no Brasil”, declarou. A presidente disse que priorizará a discussão com o Congresso e com a sociedade de uma reforma política a ser aprovada por meio de plebiscito.

            Aécio Neves fez um pronunciamento em Belo Horizonte cerca de 40 minutos depois de confirmado o resultado. Disse ter cumprimentado Dilma pela vitória e afirmou que agora a prioridade é unir o Brasil. “Considero que a maior de todas as prioridades é unir o Brasil em torno de um projeto honrado e que dignifique todos os companheiros”, afirmou, em uma fala de cerca de dois minutos.

            Com a vitória, Dilma completará um período de 16 anos do PT no comando do governo federal, desde a primeira eleição de Luiz Inácio Lula da Silva, em 2002. É o dobro do tempo do PSDB, que teve dois mandatos com Fernando Henrique Cardoso (1995-1998 e 1999-2002). Desde antes da reeleição de Dilma, o PT trabalha com a hipótese de uma nova candidatura de Lula em 2018, conforme voltou a defender neste domingo o presidente do partido, Rui Falcão.

            A presidente se reelegeu na disputa considerada a mais acirrada desde a redemocratização. No início da campanha, a petista manteve-se na dianteira nas pesquisas de intenção de voto, mas depois chegou a ter a liderança ameaçada por Marina Silva (PSB), derrotada no primeiro turno, e Aécio, que chegou a aparecer numericamente à frente dela no segundo turno.

            Foi também a sexta eleição marcada pela polarização entre PSDB e PT, que desde 1994 sempre chegaram nas duas primeiras posições na corrida presidencial. Assim como em 2010, a candidatura de Marina despontou neste ano como terceira força, alcançando 21,3% dos votos no primeiro turno.

            Campanha

            Tanto no primeiro quanto no segundo turno, a campanha eleitoral para a Presidência neste ano foi marcada pelas críticas entre os candidatos. Se na primeira fase da disputa, os ataques do PT se concentraram em Marina – apontada como inconsistente – na segunda, a campanha petista mirou a candidatura de Aécio, associando-a ao “retrocesso”.

            Marina passou a ser alvo tanto do PT quanto do PSDB com sua rápida ascensão nas pesquisas após a morte de Eduardo Campos, candidato do PSB até agosto, quando morreu em acidente aéreo que vitimou outras seis pessoas, entre assessores e tripulantes.

            Até então, as pesquisas indicavam uma situação de estabilidade, com Dilma à frente e Aécio em segundo. O tucano já havia enfrentado denúncias de suposta concessão irregular para um tio de um aeroporto na cidade de Cláudio (MG), mas a candidatura dele começou a perder fôlego após a morte de Campos.

            Uma das principais críticas do PT a Marina Silva foi a defesa da independência do Banco Central, que propunha mandatos fixos para diretores condicionado ao combate à inflação. Nas propagandas e discursos, a campanha petista dizia que a medida favoreceria os banqueiros; na TV, foi mostrada uma família sem comida no prato. Marina respondia dizendo que a rival tentava “ressuscitar o medo” na campanha e fazia “terrorismo eleitoral”.

            Pelo lado do PSDB, Marina era atacada por ter sido filiada ao PT, inclusive nos períodos em que o partido enfrentava escândalos de corrupção, como o mensalão. A candidatura de Marina também foi posta em xeque após mudanças em seu programa de governo. Quando o programa foi lançado, em 29 de agosto, havia defesa do casamento gay e da energia nuclear. No dia seguinte, os tópicos foram retirados, sob alegação de erro na edição do documento.

            Marina foi perdendo pontos nas intenções de voto e acabou ultrapassada por Aécio na semana que antecedeu o primeiro turno. Nas urnas, Dilma obteve 41,6% dos votos válidos e Aécio 33,5%, resultado que levou a disputa para o segundo turno.

            Nas três semanas de disputa direta entre a petista e o tucano, as críticas se concentraram na corrupção e na economia. Aécio explorou o escândalo na Petrobras, responsabilizando o governo pelos supostos desvios e propina pagos a políticos pelo ex-diretor Paulo Roberto Costa. Dilma reagiu dizendo que a oposição tentava dar um golpe ao explorar o caso. Defendeu-se ainda afirmando que a PF teve autonomia para investigar, e os casos de corrupção não eram escondidos “debaixo do tapete”.

            No campo da economia, a petista insistiu que o retorno do PSDB ao poder seria uma “volta ao passado”, segundo ela, com arrocho salarial, desemprego e queda na renda dos trabalhadores. O tucano, por sua vez, enfatizou a alta da inflação no governo Dilma aliado ao baixo crescimento da economia; como solução, pregou mais credibilidade e transparência nas contas públicas para atrair de volta o investimento produtivo ao país.

            Nas duas últimas semanas da campanha, os ataques se intensificaram nas propagandas, debates na TV e atos de campanha pelas ruas do país. Além de criticar a política econômica do PSDB, Dilma passou a dizer que os tucanos não governavam para os pobres, apontando uma menor abrangência dos programas sociais na época de FHC. O discurso foi reforçado por Lula, que participou ativamente da campanha e chamou Aécio de “filhinho de papai”, o acusou de ser agressivo com mulheres e o condenou por recusar o teste do bafômetro numa blitz em 2012.

            Além da Petrobras, Aécio acusou o PT de promover uma divisão no país, entre ricos e pobres e Sudeste-Sul contra Norte-Nordeste. O tucano recebeu apoio de Marina Silva e outros candidatos derrotados na eleição e passou a se queixar da “campanha de desconstrução”, segundo ele, feita pelo PT. Num dos debates mais tensos da TV, Aécio ainda rebateu a acusação de ter empregado a irmã no governo de Minas ao dizer que um irmão de Dilma também havia sido nomeado pela Prefeitura de Belo Horizonte durante administração do PT.

            Dilma acena para militantes em hotel de Brasília onde fez o discurso da vitória (Foto: Ueslei Marcelino/Reuters)

            Do G1, em Brasília

            Fotos TSE

             

            Em voto no 2º turno, Flávio Dino defende Reforma Política

            img-20141026-wa001269830

            Durante votação no 2º turno na manhã deste domingo (26), o governador eleito Flávio Dino defendeu a Reforma Política Democrática para o país. “Espero que esta seja a última eleição que se processou segundo as regras vigentes”, argumentou ele.

            Para Flávio Dino, esta pauta vai garantir a extinção do financiamento empresarial para candidatos e partidos, assegurando um avanço na democracia. Ele reforçou ainda a importância das eleições e ressaltou as lutas pelo fortalecimento da democracia do país ao longo de 30 anos desde a redemocratização.

            “Sou de uma geração que lutou pelas eleições diretas para presidente e por isso este é sempre um momento de grande emoção”. E, completou, falando do momento atual, “acho que a pauta do primeiro semestre de 2015 no país deve ser a reforma política que ajude a aprofundar ainda mais a democracia no Brasil”.

            Dino parabenizou os presidenciáveis, Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB), afirmando que adotou a postura de neutralidade em todo o período eleitoral, mas que seu voto pessoal segue a linha partidária definida pelo PCdoB.

            “Adotei uma postura de respeito à coligação plural, ampla e democrática que nós fizemos no Maranhão. Sou uma pessoa de compromisso e é claro que me mantenho fiel, por isso não participei da campanha eleitoral. Agora, obviamente, eu integro um partido político, que tem uma posição política e é natural que eu siga a posição do meu partido”.

            Fortalecimento da democracia
            Flávio Dino encampa a defesa da Reforma Política desde 2007, quando ainda exercia mandato na Câmara Federal. A Proposta de Emenda à Constituição (PEC 193/07) foi defendida por ele para realização de plebiscito para a autorização da revisão constitucional, quando seriam discutidas exclusivamente as reformas política e tributária.