Logo Blog
  • Fernando Ramos
  • 14/nov/2019
  • Cidades

Prefeitura de Marajá do Sena deixa cestas básicas perderem prazo de validade e não entrega a população

Na tarde desta quinta-feira, 14, a redação do Blog do Fernando Ramos, recebeu a denuncia vinda da cidade de Marajá do Sena/MA, que a prefeitura do município não realizou a doação de todas as cestas básicas que foram destinadas pelo governo estadual, deputados, igrejas e associações e prol das famílias carentes que perderam mais um vez “tudo”, na última enchente ocorrida no município.

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), Marajá do Sena tem uma população em 2019 de aproximadamente 7.800 pessoas. No ultimo censo realizado em 2010, o município tinha mais de 8 mil habitantes, ou seja, a população diminuiu nos últimos 9 anos.

Todos os anos a cena se repete, o município, principalmente a sede, sofre com as fortes chuvas provocando alagamentos e deixando a população desabrigada. Na última enchente ocorrida, o município recebeu varias toneladas de alimentos doadas para as famílias desabrigas; a denuncia que o Blog do Fernando Ramos recebeu e de que essas cestas básicas venceram e a prefeitura não realizou a distribuição de todas; grande parte ficou em um deposito e passou da data de validade.

Em 2017, o salário médio mensal era de 3.0 salários mínimos. A proporção de pessoas ocupadas em relação à população total era de 2.6%. Na comparação com os outros municípios do estado, ocupava as posições 3 de 217 e 199 de 217, respectivamente. Já na comparação com cidades do país todo, ficava na posição 181 de 5570 e 5548 de 5570, respectivamente. Considerando domicílios com rendimentos mensais de até meio salário mínimo por pessoa, tinha 64.1% da população nessas condições, o que o colocava na posição 1 de cidade mais pobre dentre os 217 municípios do estado e na posição 3 de 5570 dentre as cidades do Brasil.

Diante da denuncia gravíssima, a Câmara de Vereadores precisa tomar providencia e exigir do poder executivo do município uma explicação sobre o vencimento dos alimentos e a não distribuição para a população.

 

Caso a prefeitura queira enviar uma nota de esclarecimento, entrar em contato através do email: [email protected]

1 Comentário

  1. Jamilson pimentel disse:

    Isso é uma vergonha e falta de compromisso com nosco marajaense

Deixe o seu comentário!